Loading posts...
De onde vem o fascínio dos animes com a Irlanda?
Ler

De onde vem o fascínio dos animes com a Irlanda?

Em 2018, o site francês Manga-News perguntou a Nagabe qual era a história por trás do subtítulo de seu maior sucesso, A Menina do Outro Lado: Siúl a Run. Senti que o entrevistador tinha lido minha mente. Eu sabia que Siúl a Rún ( “Ande, meu amor”), é uma mú...
“Haru no Noroi”: contra certas dores não existe alívio
Ler

“Haru no Noroi”: contra certas dores não existe alívio

Haru no Noroi ("A Maldição de Haru) é uma história sobre dor. Suas personagens são receosas, indecisas, mas também valentes e determinadas – contra, muitas vezes, seus melhores interesses. É um mangá sobre a morte e o luto. Porém, como outras histórias d...
A imaginação do desastre em “Asadora!”
Ler

A imaginação do desastre em “Asadora!”

O ano é 2020. Tóquio está em chamas, seus habitantes em fuga diante de um perigo desconhecido. A cidade, que se preparava para hospedar as Olimpíadas, começa a se perguntar se durará até a manhã seguinte. Poderia ser as manchetes de qualquer jornal de um an...
“My Broken Mariko”: por que não devemos sucumbir ao desespero
Ler

“My Broken Mariko”: por que não devemos sucumbir ao desespero

Há um motivo pelo qual histórias de vingança raramente terminam bem. O ódio não é um sentimento passivo. Ele é uma arma que corta dos dois lados. Ele cobra de nós cada gota de sofrimento que infligimos aos outros – frequentemente, com juros inimagináveis. ...
“Rayearth” e a guerra sem fim
Ler

“Rayearth” e a guerra sem fim

Tudo começou com um desafio. Um dos editores da revista shoujo Nakayoshi confessou à mangaká Nanase Ohkawa que estavam com um problema. A publicação não conseguia expandir seu público para além das crianças. Ele esperava que Ohkawa e seu grupo, um quarte...
“To Your Eternity” é uma resposta à pergunta que move a humanidade
Ler

“To Your Eternity” é uma resposta à pergunta que move a humanidade

Quando li To Your Eternity pela primeira vez, nada me surpreendeu mais que saber que vinha da mesma pena que nos trouxe A Voz do Silêncio. O que levaria a autora de um mangá intimista sobre bullying decidir continuar seu sucesso com uma saga sobre o destin...
Café com Anime: “Happy Sugar Life” episódios 11 e 12
Ler

Café com Anime: “Happy Sugar Life” episódios 11 e 12

Bem vindo ao Café com Anime, sua dose semanal de bom papo e animação japonesa! Nessa temporada, o Finisgeekis, Anime21, Dissidência Pop e É Só um Desenho discutem Happy Sugar Life. O lançamento mais controverso da temporada chega ao fim como um terror de pri...
“Happy Sugar Life”: até onde você iria para sentir-se vivo?
Ler

“Happy Sugar Life”: até onde você iria para sentir-se vivo?

Chiaroscuro é uma técnica artística que exagera o contraste entre luz e sombra. Fora da pintura, a palavra às vezes é usada para descrever histórias que misturam o belo com o feio, o inocente com o perverso, o bem com o mal. Animes e mangás têm um gosto esp...
Sadismo, humor e garotas mágicas: a visão perturbadora de Kentarou Satou
Ler

Sadismo, humor e garotas mágicas: a visão perturbadora de Kentarou Satou

  Uma gothic Lolita chega à escola, cachos de parafuso e olhos vítreos. O professor a encara divertido. “Cosplay?” A resposta nunca vem. Em questão de segundos, seus miolos estão espalhados pelo chão. O professor não é um único. A lolita invade a escola...
As heroínas torturadas de Kore Yamazaki
Ler

As heroínas torturadas de Kore Yamazaki

Kore Yamazaki não é uma mangaká das mais conhecidas. Introspectiva, com apenas um título adaptado às telas, a autora bem poderia tocar uma vida pacata longe dos holofotes. Poderia, se o título em questão não fosse Mahoutsukai no Yome. Sucesso editorial que lh...