Café com Anime: “Cardcaptor Sakura: Clear Card Hen” episódio 11

 

Bem vindo ao Café com Anime, sua dose semanal de bom papo e animação japonesa!

Nessa temporada, o Finisgeekis, Anime21, Dissidência Pop e É Só um Desenho discutem Cardcaptor Sakura: Clear Card Hen.

Estamos chegando ao final do primeiro cour, e o décimo primeiro episódio de Clear Card nos joga algumas das maiores revelações até agora. O que isto significa para nossa querida cardcaptor? Confiram abaixo!

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

Não consigo expressar minha alegria em ver que o enredo finalmente está indo para a frente. Clear Card até agora me pareceu uma produção excelente a espera de um conflito. Este conflito chegou e adivinha só? Vocês acertaram! O Yuna D. Kaito de fato é um manipulador por trás das cenas.

Olha só essa cara de dissimulado. Você não engana ninguém, Kaito!

Mais importantemente, ele parece ser membro de uma cabala britânica. E o “D” em seu nome é algum tipo de patente!

 

 

cat ultharGato de Ulthar

Isso dá luz a várias hipóteses. Qual o seu interesse na Sakura? Será que é ele que está fazendo ela criar as cartas para depois roubá-las, aproveitando-se do grande manancial de poder da Sakura? O próprio Eriol disse que a Sakura, em virtude de seu grande poder mágica, atrai todo tipo de mago poderoso. Ela é praticamente uma Sleigh Beggy do universo de Mahoutsukai no Yome :stuck_out_tongue:

Gostaria de ver o Eriol enfrentando os magos desta fraternidade em solo britânico. Será que é pedir demais?

diego gonçalvesDiego

É possível também pensar em intenções bem menos malignas para o Kaito. Talvez tudo isso seja um teste para ver até onde vai o poder da Sakura, uma tentativa dessa organização de ficar de olho no que está acontecendo e talvez, eventualmente, tentar trazer a Sakura para o seu lado.

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

Olha, eu não sei dizer por quê, mas sinto que há algo diferente no Kaito. Vejo ele mais como um Fei Wong que um Eriol ou Yue.

A Rebeca Silvermann do ANN acredita que o “D.” seja uma referência a John Dee, um alquimista e filósofo hermético a serviço da Elizabeth I.

Dado que o próprio Clow é inspirado em um ocultista famoso, eu não duvidaria.

Curiosamente, John Dee também foi apologista da expansão inglesa nas Américas e, segundo alguns, o primeiro a usar o termo “Império Britânico”.

buniiito4Fábio “Mexicano”

E eu achando que era o D. de One Piece! Ok, essa referência aí faz muito mais sentido.

E olha só Sakura ensinando como se fazer animes :smile:

Eu entrei atrasado na conversa e até me sinto meio constrangido agora, mas meio que achei o episódio apenas mediano?

Teve um pouco de muita coisa, e exceto pela revelação que o D. pode ser um título de uma organização mágica britânica (e bom, em animes, o que alguém fala que “pode ser” em 99% das vezes é de fato) e parece que seu poder tem a mesma origem que o do Shoran, todo o resto não parece ter acrescentado muito.

Bom, adiantaram temas de episódios futuros, né? O torneio esportivo, a visita à biblioteca do pai da Sakura, o recital de coral. Mas esse episódio em si não me chamou a atenção por nada em particular.(editado)

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

Como não? Tivemos a Sakura descobrindo, depois de 11 episódios, que as cartas transparentes se parecem com as cartas Clow.

Quer dizer, a quem eu estou tentando enganar? Ela não descobriu nada! Foi a Tomoyo quem esfregou na cara dela!

buniiito4Fábio “Mexicano”

É né? A Tomoyo que notou que, bom, talvez, quem sabe, as cartas fossem “parecidas”

Eu prefiro acreditar que desde o começo a Tomoyo tinha percebido isso, porque afinal era óbvio, mas ela não falou nada porque achou que a Sakura também tivesse percebido.

ERA ÓBVIO!

Só que em algum momento ela percebeu que a Sakura não tinha visto o óbvio. E aí ela ficou tensa, esperando que a amiga percebesse. E então exasperada. Até que finalmente ela achou as palavras para falar de um jeito que não pareceu que ela estava jogando na cara da Sakura.

Igual quando “damos um toque” para um amigo de algo bem óbvio mas não queremos que ele se sinta mal por não ter percebido antes.

Bom, o que dizer? A Sakura não parece ser a criança mais inteligente da creche…

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

Mas você realmente sentiu que nada disso trouxe bagagem nova? Digo, nós tivemos episódios que não foram nada além de pique-nique e conversa fiada. Mais de uma captura se limitou à Sakura apontando o báculo para a direção geral da carta e gritando “SECURE!”

Se nada mais, foi legal rever o Rei Pinguim, que tanto apareceu na série original. E ver o Kero e a Sakura lidando com a realidade de serem cardcaptors na era das redes sociais.

buniiito4Fábio “Mexicano”

Ah, mas nesses outros episódios todos eu pelo menos me diverti com a fofura da Sakura. Esse episódio não foi muito fofo.

cat ultharGato de Ulthar

Não concordo com o Fábio, pois depois de onze episódios, temos finalmente uma insinuação de perigo na pessoa do Kaito. Claro que todo mundo já achava ele estranho e não foi uma grande surpresa, mas foi algo positivo.

Só quero saber onde entra a Akiho nisso tudo.

buniiito4Fábio “Mexicano”

É, então, eu já achava ele potencialmente perigoso. Aumentou o risco um pouco e esclareceu melhor. E abre uma avenida nova para especulações.

diego gonçalvesDiego

Também não acho que o episódio não serviu pra nada. Ele ao menos nos deu algumas informações sobre o Kaito e sobre essa organização de magos que muito possivelmente serão o “vilão” da vez (quer entre aspas, quer sem). Comparado a outros episódios, progredimos bastante até.

buniiito4Fábio “Mexicano”

Será que a organização vai ter alguma relevância? Fiquei sob a impressão que foi apenas uma ferramenta narrativa para o Eriol “saber” sobre o Kaito

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

É a informação mais relevante que já recebemos no anime desde o primeiro episódio. Aliás, é uma das únicas informações inéditas que Clear Card nos trouxe.

Eu ficaria muito surpreso (e decepcionado) se isso não passasse de uma red herring.

E falando em informações que não recebemos, o que pensam da Akiho, agora que sabemos que o Kaito não é só um butler de maid café?

Eu confesso que pensei que ela fosse a responsável pelas cartas transparentes. Aquele papo da visão ter o mesmo tamanho da Sakura e tudo o mais. Mas agora? Bem pode ser que ela esteja sendo manipulada pelo Kaito. Ou pior, que seja alguma forma de fantoche ou marionete ou ilusão a serviço dele.

cat ultharGato de Ulthar

Eu acredito na inocência da Akiho, creio que se ela for humana, é apenas um fantoche nas mãos do Kaito, o qual a domina de uma forma bastante eficiente, já que ela o ama.

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

Mais uma relação de amor saudável em Sakura. As senhoras da CLAMP não cansam, né?

diego gonçalvesDiego

A Akiho ser uma ilusão criada pelo Kaito seria um baita twist, e um bem triste… É, acho possível :stuck_out_tongue:

cat ultharGato de Ulthar

Imagem a cena final, a Sakura segura a mão da Akiho enquanto ela lentamente se desvanece no ar e some para sempre:frowning:

Já estou chorando.

buniiito4Fábio “Mexicano”

Em termos de construção de mundo, sem dúvida, saber que existe uma organização é importante. Mas acham mesmo que a organização em si irá aparecer mais no anime?

A minha impressão e a minha linha de raciocínio foi a seguinte: o Eriol não conhece nem nunca ouviu falar no Kaito, mas ele conhece uma organização que usa D como um título, e daí ele reconheceu isso quando o Shoran falou e, tendo reconhecido isso, pôde assegurar ao Shoran (e a nós) que o Kaito é sim um mago. Para isso serviu essa “organização”. Tecnicamente ela não precisa aparecer ou ser mencionada nunca mais no anime, já cumpriu seu papel.

Sobre a natureza da Akiho, eu não acho que tenha mudado de opinião após esse episódio. Ela está ligada de alguma forma que ainda não entendemos à mãe da Sakura, às cartas, e o Kaito sabe de tudo isso e provavelmente é quem está manipulando os eventos por trás dos panos – ou nem tão por trás assim, da mesma forma como ele sequer esconde que é um mago ostentando o D em seu nome, talvez ele nem esteja tentando esconder nada, só que ninguém olhou pro lugar certo ainda.

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

Sobre a sociedade, o mesmo poderia ser dito do Clow Reed. A maior parte do que ele fez ou deixou de fazer nunca foi mencionado na obra pré-Tsubasa.

Aliás, diga-se de passagem, foi justamente essa vagueza que deu à CLAMP carta branca para construir todo seu universo expandido. O Clow original era uma figura mística que simplesmente “estava lá”, disposto a “ser” qualquer função que a história lhe exigisse.

buniiito4Fábio “Mexicano”

E eu acho que é o caso dessa nova organização também. Se um dia for necessário, ela está lá pra cobrir lacunas no roteiro, mas da forma como enxergo agora, ela não é necessária para mais do que já foi usada.

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

Considerando o que aconteceu quando a CLAMP resolveu explorar seu multiverso, eu ficaria agradecido se esse fosse o caso :stuck_out_tongue_closed_eyes:

buniiito4Fábio “Mexicano”

Por favor, sem clones de clones…

 

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

Parece que temos muito claro o que nós não queremos para a série. Agora, para fechar com chave de ouro: o que vocês gostariam de ver na finalização desse primeiro cour?

buniiito4Fábio “Mexicano”

Quero que o Eriol fale com a Sakura. Tenho certeza que essa conversa sim seria a mais reveladora do anime.

diego gonçalvesDiego

Acho que gostaria de saber mais sobre qual a participação da Akiho nisso tudo, se é que ela tem alguma. Talvez ainda seja muito cedo pra isso, mas seria legal.

cat ultharGato de Ulthar

Queria que a Sakura finalmente entendesse a gravidade de sua situação, no anime clássico ela tinha o medo do temido “fim do mundo” que as Cartas Clow poderiam acarretar. Não que ela fique desesperada com isso, nem no anime clássico ela ficou, mas que pelo menos ela esteja ciente do perigo que a rodeia.

booker finisgeekis 1Vinicius Marino

Excelentes pedidos. E acho que concordo com os três. Será que os veremos atendidos no episódio de hoje à noite? Não sei, mas esperarei ansioso

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *